imagem de escova

Você já ouviu falar na escova de dentes biodegradável? É uma alternativa ecológica para manter a higiene bucal em dia sem lançar ainda mais resíduos plásticos no meio ambiente, um grave problema de nossos tempos.

Esse tipo de escova vem ganhando cada vez mais adeptos entre aqueles que buscam um estilo de vida mais natural e sustentável.

Continue lendo para conhecer os diferenciais da escova ecológica em relação à versão tradicional de plástico.

O que é uma escova de dentes biodegradável

Atualmente as escovas biodegradáveis que encontramos no mercado, de diferentes marcas, possuem haste em bamboo e cerdas em nylon. Ou seja, aproximadamente 94% de sua estrutura se decompõe naturalmente em pouco tempo e não gera resíduos tóxicos para o meio ambientes.

E os 6% restantes, relativos às cerdas, não são biodegradáveis? O nylon é um derivado do petróleo, não pode ser considerado uma matéria-prima biodegradável e leva em média 30 anos para se decompor no meio ambiente.

Entretanto, utilizar uma escova que é 94% biodegradável ou uma que é 0% faz uma diferença enorme para o meio ambiente, certo?

Existem algumas escovas de bamboo produzidas na China que têm suas cerdas feitas de pelos de porco, um subproduto da indústria de carne no país, o que as torna totalmente biodegradáveis,

Porém, esta versão não é comercializada no Brasil e, pensando bem, de que adianta produzir menos resíduos plásticos tóxicos, mas compactuar com práticas cruéis de exploração animal?

As escovas biodegradáveis também possuem embalagens ecológicas, o que significa uma grande redução na produção de resíduos plásticos se consideramos o processo de produção e uso final como um todo.

Miswak

 

Existe ainda uma opção 100% natural para escovar os dentes, chama-se miswak. O miswak nada mais é do que um bastão de madeira, produzido a partir de galhos da árvore Salvadora pérsica.

Esse artefato, antecessor das escovas modernas, já era usado por diferentes povos ancestrais e vem ganhando adeptos ao redor do mundo por se tratar da alternativa mais ecológica que existe para cuidar da higiene bucal.

O miswak ao ser cortado forma cerdas naturais, que de acordo com pesquisas possuem propriedades antissépticas, além de removerem com eficácia os resíduos de alimentos dos dentes e língua por ação mecânica.

Quando as cerdas do miswak ficam desgastadas, bastá cortá-las e seguir aproveitando o pedaço de madeira até chegar ao fim. E como se tudo isso não bastasse, ainda é possível utilizá-lo sem água nem pasta de dentes.

Realmente são muitas vantagens, entretanto, pode ser bem difícil para quem está acostumado a usar a escova de dentes há anos se adaptar a um graveto. Ainda bem que existem as escovas ecológicas!

Diferenciais da escova ecológica em relação à escova comum de plástico

 

Embora a maioria das escovas de dentes comuns de plástico seja reciclável, sabemos que a maior parte delas acaba inda parar mesmo em aterros sanitários, quando não no mar e nos rios, levando aproximadamente 500 anos para se decompor.

Para ter uma noção, atualmente são produzidos no Brasil mais de 78 milhões de toneladas de resíduos sólidos, entre os quais o plástico equivale a 10, 5 milhões de toneladas (13,5%) de acordo com um levantamento feito pelo Sindicato Nacional das Empresas de Limpeza Urbana (Selurb).

Já o bambu utilizado na escova ecológica é um recurso natural renovável, já que tem crescimento rápido e o processo de extração não mata a planta.

Além desse grande benefício de ter sua haste feita de um material que não oferece riscos ao meio ambiente, as escovas ecológicas costumam vir em embalagens também biodegradáveis, o que reduz ainda mais a produção de resíduos poluentes.

Na hora do descarte, basta enterrar a escova ecológica no quintal, num vaso ou em qualquer outro terreno, sem peso na consciência.

O custo de uma escova biodegradável não é muito superior ao de uma comum, felizmente. Assim você pode manter sua boca limpa e saudável e ajudar o meio ambiente sem esvaziar o bolso.

Benefícios 

O principal benefício da escova ecológica é a contribuição para a redução da contaminação por resíduos plásticos no planeta, um problema que afeta direta e indiretamente nossa saúde.

Grande parte dos resíduos plásticos acabam poluindo rios e mares, dando origem aos chamados microplásticos, partículas microscópicas do material que podem ser absorvidas pelos animais marinhos, trazendo consequências muito negativas à sua saúde.

E essa cadeia frequentemente termina em nossa mesa, conforme comprovam estudos que já detectaram a presença de microplástico em peixes muito utilizados na alimentação humana, como o atum.

A contaminação por resíduos plásticos nos mares causa ainda problemas como asfixia de animais marinhos (as tartarugas são um exemplo clássico) e envenenamento, decorrentes da ingestão desses materiais.

Onde comprar escovas de dentes sustentáveis

As escovas ecológicas podem ser encontradas aqui na loja Trilha dos Aromas ou em lojas especializadas em produtos naturais, orgânicos e veganos.

Cuidados com a escova de bambu

A escova de bambu não requer cuidados especiais. O bambu é altamente resistente à ação de fungos e bactérias, logo não existe risco da escova mofar ou ficar com cheiro ruim.

Basta tomar os cuidados indicados para qualquer escova: enxaguar bem as cerdas após o uso, mantê-la em local seco e realizar a troca a cada 3 meses.

Que pasta utilizar com a escova natural

É possível usar a escova de dentes biodegradável com pastas comuns, mas existem alternativas naturais para a higiene bucal.

Há fórmulas industrializadas naturais, incluindo versões orgânicas e veganas, e produtos que podem ser usados para substituir a pasta, como cúrcuma e bicarbonato de sódio ou misturas naturais caseiras.

Como vimos, a escova de dentes biodegradável tem haste em bambu e oferece a mesma eficácia em termos de limpeza dos dentes e língua que a versão tradicional de plástico.

Existe ainda o miswak, uma alternativa 100% biodegradável, mas cuja comercialização ainda é muito restrita e que pode causar grande estranhamento para quem sempre utilizou a escova dental.